Bookmaker artbetting.co.uk - Bet365 review by ArtBetting.co.uk

Bookmaker artbetting.gr - Bet365 review by ArtBetting.gr

Germany bookmaker bet365 review by ArtBetting.de

Premium bigtheme.net by bigtheme.org

30º CURSO DE VERÃO

EDUCAR PARA A PAZ EM TEMPOS DE INJUSTIÇAS E VIOLÊNCIAS

6 a 14 de janeiro de 2017

 
     
  Folder-cv2017  
 

 

 

 APRESENTAÇÃO 

Vivemos tempos de muitas injustiças e violência, sobretudo em relação aos mais pobres e vulneráveis.

Criou-se um clima de medo, pois ás violências antigas e estruturais vieram somar-se novas formas como as do sistema financeiro e da mídia, as da guerra no trânsito das cidades e estradas, com mais de cinquenta mil vítimas fatais no ano que passou.

Chovem as denúncias de violência doméstica contra crianças e mulheres; de violência urbana contra jovens negros, moradores de rua ou simples passantes; de violação dos territórios indígenas e de seus direitos; de exploração de operários e trabalhadores rurais; de surtos de intolerância religiosa, racial e de gênero, da persistência do trabalho escravo e das mazelas do sistema de saúde.

Acrescente-se a violência do tráfico de drogas e de pessoas; dos grupos de extermínio e da ação policial contra movimentos reivindicatórios. Temos um quadro assustador que atemoriza a população.

Com este tema, o 30º Curso de Verão quer buscar as raízes de tanta violência, seguindo a intuição certeira do profeta Isaias: “A paz é fruto da justiça”.  (Is 32,17).

Trará iniciativas e experiências de pessoas e organizações voltadas para a denúncia e superação das injustiças; socorro e amparo das vítimas da violência e projetos pedagógicos que impulsionam uma cultura de paz.

CONTEÚDOS E  ASSESSORES

  1. EXPOSIÇÃO E DEBATE

 1ª SEÇÃO – MAPEANDO A REALIDADE

Caminhos para superar injustiças e construir a paz.

1) Violência na cena internacional e organismos promotores da paz.

  • Paulo Sérgio Pinheiro – Diplomata e Coordenador da Comissão Internacional de Inquérito da ONU sobre a Síria. Presidiu a Comissão Nacional da Verdade.

2) Mídia e violência

  • Magali Cunha- Professora de comunicação-UMESP

3) As muitas violências urbanas contra crianças e jovens  

  • Eduardo Dias –Promotor Público – SP

4) O massacre da Candelária e o Projeto Uerê

  • Yvonne Bezerra de Mello – artista e educadora

5) A violência contra os povos indígenas e os camponeses

  • Gilberto Vieira (CIMI) e Thiago Valentim (CPT)

2ª SEÇÃO BÍBLICO – TEOLÓGICA

O livro do Apocalipse.

A violência do império, a resistência das comunidades e a esperança dos pequenos.

  • Odja Barros Santos – Pastora da Igreja Batista do Pinheiro em Maceió (AL) Biblista -(CEBI)

3ª SEÇÃO – PASTORAL

Campanha da Fraternidade 2017

Tema: Fraternidade e biomas brasileiros em defesa da vida

II – MESAS DE PARTILHA E REFLEXÃO

1) Ser presença num contexto de violência. Desespero e esperança de mulheres cujos filhos foram assassinados em Salvador/Bahia.

  • Regina Reinart  ( MISEREOR)

2) A Marcha da Paz. Pelo fim da violência no Jd Ângela São Paulo/SP.

  • Jaime Crowe- Pároco dos Santos Mártires

3) Vítimas da violência urbana: população em situação de rua e políticas públicas.

  • Júlio Lancelotti – Vicariato do Povo da Rua

4) Catadores e recicladores de Porto Alegre/RS Profetas da Ecologia na Cidade.

  • Antonio Cecchin – Educador Popular

5) Violência contra religiões de matriz africana e ações do CONIC.

  • Romi  Márcia  Bencke – Secretaria geral do CONIC
  • Lucas de Deus –  Cientista Social e candomblecista

6) AMAR – Coletânea de Livres Infantis. a) Eu; b) Existo; c) Nonada e d) Safo.

Thiago Minamisawa – Escritor

7) Genocídio da juventude negra,  racismo  e organização popular.

  • Douglas Belchior, professor e jornalista e Júlio César Andrade – assistente social – EDUCAFRO

8) Mídia e Violência.

  • Anabela Paiva – Centro de Estudos de Segurança e Cidadania – CESEC – UCAM – Rio de Janeiro, RJ

9) Serviço Pastoral dos migrantes e espaços de acolhida e inserção social.

  • José Carlos Pereira- Redator da revista Travessia – Centro de Estudos Migratórios – São Paulo, SP

10) Verdade e Justiça a partir da identidade e memória das vítimas.

  • Silene Amorim Monteiro – Coordenadora do Centro de Direitos Humanos – CDHEP

11) Violência contra a Mulher – Lei Maria da Penha, Casas abrigo, Delegacias da mulher.

  • Haidi Jarschel – Biblista, professora do ITESP

12) Violência Sexual – Saúde e Direitos.

  • Ester Leite Lisboa – Assessora do Programa Saúde e Direitos . KOINONIA

13) A violência no sistema carcerário e a Pastoral Carcerária nos presídios masculinos e femininos.

  • Valdir João Silveira e Ir. Petra Sílvia Pfaller