Bookmaker artbetting.co.uk - Bet365 review by ArtBetting.co.uk

Bookmaker artbetting.gr - Bet365 review by ArtBetting.gr

Germany bookmaker bet365 review by ArtBetting.de

Premium bigtheme.net by bigtheme.org

DECLARAÇÃO DO ENCONTRO DAS PASTORAIS E MOVIMENTOS SOCIAIS

Edcarlos Bispo de Santana 9 de junho de 2017 0

No último dia 03 e Junho de 2017, mais de 63 agentes de pastorais e de movimentos sociais e populares de diferentes Dioceses da Grande São Paulo, se reuniram no Centro Pastoral São José (Belém – Zona Leste/SP) em um encontro que contou com a presença de Dom Angélico Sândalo – Bispo Emérito de Blumenau.

O objetivo desse encontro foi manifestar posições contra o desmonte dos direitos sociais do país pelo sistema capitalista via governo ilegítimo, impopular e corrupto de Michel Temer que, aliado ao poder judiciário, midiático e empresarial (nacional e internacional) moveram contra a classe trabalhadora brasileira uma série de retrocessos em curto prazo.

No encontro, ocorreu um amplo debate das “reformas” (desmontetrabalhista e especialmente a “reforma” (desmonte) da Previdência, o que restou claro o posicionamento dos movimentos sociais e das pastorais presentes, de que as referidas “reformas” empobrecerão por demais o povo brasileiro, aumentando o distanciamento entre pobres e ricos, o que não se coaduna com as recomendações colocadas na Encíclica “Laudato Si” do Papa Francisco. Ou seja, as perdas sofridas pela classe trabalhadora representam a ampliação das desigualdades sociais, o que contraria a recomendação do Papa Francisco.

É claro o apontamento do Papa Francisco aos problemas da natureza relacionados ao consumo exacerbado e destruição da natureza e a exploração dos pobres e excluídos pelos ricos. Na mesma linha o “Evangelii-Gaudium” (A Alegria do Evangelho), ao citar sobre o papel da igreja em exercer uma igreja “em saída”, relata os desafios do mundo atual, entre eles os sociais, culturais e econômicos e nos convida a renovar o diálogo sobre a construção do planeta, bem como a uma nova etapa evangelizadora contando com o compromisso dos pastores da igreja à promoção do estímulo de debate fraterno com a sociedade.

Cresce a fileira dos que foram jogados para fora do direito ao trabalho, do direito a morar com dignidade. Mas assistimos a ganância dos que corrompem com os que são corrompidos, preocupados unicamente em acumular, mesmo que para isso destruam sonhos, oferecendo a ilusão de uma sociedade de fartura que na verdade gera a cultura do ter em detrimento do ser. É nesta sociedade excludente que “Mata o próximo quem lhe tira seus meios de vida, e derrama sangue quem priva o operário de seu salário” (Eclo 34, 22), que está a consumir “O pão dos indigentes é a vida dos pobres” (Eclo 34, 21). Deste modo, repudiamos todas as reformas desse governo da maneira que está sendo imposta, a aliança entre capital e política para retirar direitos da classe trabalhadora. E reafirmamos que o trabalho digno é nosso direito, lutar por ele é nosso dever!

Visando denunciar esse sistema que é insuportável, exclui, degrada e mata, que nós católicas e católicos, convocamos agentes pastorais, movimentos sociais e populares, a agregaram essa agenda de mobilização da nossa igreja, rumo a uma sociedade mais justa e livre. Para isso, nos reuniremos no próximo dia 01 de Julho (sábado) ás 14h no Centro Pastoral Belém para um grande encontro para firmar os próximos passos.

Deixe um comentário »